Terça, 15 de Junho de 2021
54 98128.5277
13°

Muitas nuvens

Bento Gonçalves - RS

Dólar com.

R$ 0,

Euro

R$ 0,

Peso Arg.

R$ 0,

Rio Grande do Sul Novidade

Definidas as cidades que receberão estações do transporte de ultravelocidade entre Porto Alegre e a Serra Gaúcha

Quatro cidades foram apontadas com condições para atender a demanda do transporte. Ainda não há prazo para o projeto sair do papel.

05/06/2021 19h04 Atualizada há 1 semana
17.140
Por: Redação Fonte: Divulgação
Definidas as cidades que receberão estações do transporte de ultravelocidade entre Porto Alegre e a Serra Gaúcha

Foram definidas as cidades que devem receber as estações do transporte de alta velocidade pelo sistema hyperloop entre Porto Alegre e a Serra Gaúcha. Os locais são necessários para a instalação das enormes cápsulas flutuantes, onde  o transporte vai parar para entrada e saída de passageiros. Ainda não há prazo para o início do funcionamento do sistema no Rio grande do Sul, mas os estudos continuam.

De acordo com o estudo de viabilidade da rota do transportes que está sendo realizado, serão quatro pontos, que ficariam nas cidades de Porto Alegre, Novo Hamburgo, Gramado e Caxias do Sul.  O estudo já permitiu definir que o trajeto seria de 133 quilômetros. E o tempo mínimo para percorrê-lo é estimado em 17 minutos, um pouco acima dos 15 minutos previstos inicialmente. Incluir Gramado entre as estações aumentou o tempo em dois minutos. A duração da viagem, no entanto, pode chegar a 45 minutos, dependendo da rota que o passageiro escolher, caso queira passar por outros lugares.

O diretor-presidente da Hyeperloop TT na América Latina, Ricardo Penzin, em entrevista à Rádio Gaúcha, que ainda está sendo calculado o investimento necessário para tirar o projeto do papel e não fala em prazos. Mas garante que não serão usados subsídios de governos e que os veículos serão autossustentáveis, movidos a energia solar.

Outra parte importante para identificar a viabilidade do empreendimento é uma pesquisa de projeção de demanda pelo transporte que está sendo realizada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Todos os gaúchos são convidados a participar. Para isso, é preciso escanear com o celular o QR Code e responder às perguntas, que incluem questionamentos sobre como o passageiro iria até a estação. 

A ideia é que cada cápsula tenha capacidade para 50 pessoas. No Rio Grande do Sul, não haverá partes subterrâneas. Serão quatro túneis sobre a superfície por onde as cápsulas são impulsionadas no vácuo. Ou seja, elas levitam. Por não ter atrito, a velocidade pode chegar a 1.223 km/h. O valor das passagens estimado parte de R$ 16, mas pode chegar a R$ 230 dependendo do trajeto. 

Uma curiosidade: os veículos não terão janelas. Serão colocadas telas com inteligência artificial, que vão projetar o que o usuário quiser, desde a paisagem da rua até lojas virtuais para fazer compras. "Nosso objetivo final é que as pessoas tenham um transporte rápido e barato para todos, sustentável e com satisfação do usuário", concluiu Penzin.

O tempo mínimo para percorrer uma distância entre Porto Alegre e Caxias do Sul é estimado em 17 minutos

Há pelo menos dois anos, a HyperloopTT tem negociações com governos no Brasil para implantação do sistema, conduzidas pelo CEO Dirk Ahlborn. No Rio Grande do Sul, ele faz parte do Techfuturo, programa do governo gaúcho para apoiar a transferência de tecnologias. A empesa chegou a anunciar um centro de tecnologia em Minas Gerais, mas que acabou não sendo desenvolvido. Outra ideia é ter uma linha que ligue Rio de Janeiro a São Paulo com viagens de duração de 25 minutos, mas a rota gaúcha sairia antes do papel. 

A multinacional Hyperloop TT desenvolve a tecnologia desde 2013, quando o bilionário Elon Musk divulgou um documento com o conceito e provocando empresas a entrarem na ideia. O primeiro teste de viabilidade tecnológica, ainda sem tripulantes, aconteceu em 2014 na unidade da empresa em Toulouse, França. Outra empresa, a Virgin Hyperloop, testou com passageiros em novembro de 2020. Estados Unidos e Europa estão estudando já regulamentações para o hyperloop. Os Emirados Árabes devem ter o Hyperloop em 2023, conectando Abu Dhabi a Dubai em uma viagem de 10 minutos. 

QR CODE permite a participação na pesquisa de demanda pelo transporte de ultravelocidade no Rio Grande do Sul

 

4 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Bento Gonçalves - RS
Atualizado às 03h24 - Fonte: Climatempo
13°
Muitas nuvens

Mín. Máx. 19°

13° Sensação
3.8 km/h Vento
71.9% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (16/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 14°

Sol com muitas nuvens
Quinta (17/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 15°

Sol com muitas nuvens
Anúncio