10°C 21°C
Bento Gonçalves, RS
Publicidade

Cadernetas da Criança começam a ser distribuídas para municípios com decretos de calamidade pública

O setor de Suprimentos da Secretaria da Saúde (SES) entregou, na segunda-feira (17/6), o primeiro lote de 110 Cadernetas da Criança, do total de ce...

18/06/2024 às 15h31
Por: Marcelo Dargelio Fonte: Secom RS
Compartilhe:
Carregamento de cadernetas veio do Ministério da Saúde -Foto: Divulgação SES
Carregamento de cadernetas veio do Ministério da Saúde -Foto: Divulgação SES

O setor de Suprimentos da Secretaria da Saúde (SES) entregou, na segunda-feira (17/6), o primeiro lote de 110 Cadernetas da Criança, do total de cerca de 10 mil, para ser enviado a municípios em situação de calamidade pública causada pela enchente. A primeira remessa foi para a 11ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), com sede em Erechim.

As cadernetas estão sendo distribuídas de forma excepcional para crianças menores de cinco anos. Até sexta-feira (21/6) serão entregues todos os lotes, destinados a municípios de mais nove regionais de saúde (Porto Alegre, Pelotas, Santa Maria, Caxias do Sul, Passo Fundo, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul, Lajeado e Osório).

A ação visa suprir os documentos que foram perdidos ou avariados. A distribuição está sendo organizada pela SES em conjunto com o Ministério da Saúde, que enviou os materiais.

A SES orienta aos municípios que a entrega das cadernetas em lote extraordinário é prioritária para crianças em abrigos ou desalojadas, mas também pode ser realizada nas unidades de saúde básica ou por busca ativa, conforme disponibilidade das equipes.

No momento da entrega, os profissionais da saúde devem preencher as cadernetas com os dados de identificação e outras informações que forem possíveis de se obter. Posteriormente, em consultas de rotina, outras informações podem ser complementadas.

Distribuição gratuita

A Caderneta da Criança se destina ao registro de informações clínicas e acompanhamento do crescimento e desenvolvimento de crianças até os nove anos de idade. O item é distribuído de forma gratuita diretamente pelas maternidades (públicas e privadas) do Estado para os familiares de recém-nascidos.

No documento, que orienta sobre os cuidados com a criança para que ela cresça e se desenvolva de forma saudável, devem ficar registrados dados sobre atendimentos nos serviços de saúde, educação e assistência social.

Além disso, constam informações sobre direitos e deveres das crianças e dos pais, aleitamento materno, alimentação complementar saudável, vacinas, saúde bucal, marcos do desenvolvimento, consumo e acesso aos equipamentos e programas sociais e de educação. Ao registrarem as informações na caderneta da criança, os profissionais compartilham os dados com a família e facilitam a integração das ações sociais.

Número de cadernetas por CRS

  • 1ª - sede Porto Alegre, que atende a toda a Região Metropolitana: 5.450 (sendo 2.000 para a capital)
  • 3ª - sede Pelotas: 1.000
  • 4ª - sede Santa Maria: 600
  • 5ª - sede Caxias do Sul: 1.280
  • 6ª - sede Passo Fundo: 120
  • 8ª - sede Cachoeira do Sul: 160
  • 11ª - sede Erechim: 110
  • 13ª - sede Santa Cruz do Sul: 560
  • 16ª - sede Lajeado: 560
  • 18ª - sede Osório: 100

Duas versões da Caderneta da Criança:

Texto: Ascom SES
Edição: Felipe Borges/Secom

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Bento Gonçalves, RS
18°
Tempo nublado

Mín. 10° Máx. 21°

18° Sensação
3.13km/h Vento
64% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h14 Nascer do sol
05h50 Pôr do sol
Qui 21° 10°
Sex 20° 12°
Sáb 20° 13°
Dom 16° 12°
Seg 11°
Atualizado às 11h01
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,61 +0,36%
Euro
R$ 6,09 +0,36%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,80%
Bitcoin
R$ 395,625,47 +0,79%
Ibovespa
126,750,36 pts 0.13%
Publicidade