Segunda, 19 de Abril de 2021
54 98128.5277
Segurança Deu Ruim

Agentes da PRF prendem cinco pessoas realizando rachas em rodovias

Prisão ocorreu na noite desta quinta-feira, 1º, e 11 veículos, entre carros e motos, foram apreendidos na operação.

02/04/2021 09h23
1.739
Por: Redação Fonte: Divulgação
Agentes da PRF prendem cinco pessoas realizando rachas em rodovias

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou um evento automotivo clandestino no final da noite dessa quinta-feira, 1º de abril, em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Cinco motoristas foram presos por direção perigosa e 11 veículos, na maioria com características alteradas, acabaram sendo recolhidos para o depósito. Três deles foram abandonados pelos ocupantes após atolarem durante a fuga. Motos também foram apreendidas.

Segundo a PRF, demonstrações de manobras perigosas e rachas eram realizados nas noites que os envolvidos chamavam de “quinta sem lei”. Os trajetos variavam semanalmente, sendo utilizadas rodovias como BR 448, BR 116, BR 386 e BR 290, na Região Metropolitana de Porto Alegre. Conforme a PRF, os veículos circulavam em grandes comboios e provocavam riscos ao trânsito. Antes e depois de trafegarem nas rodovias, os participantes se reuniam em postos de combustíveis, onde causavam aglomerações, ingestão de bebidas alcoólicas e perturbação do sossego.

Após diversas reclamações via telefone 191, o serviço de inteligência da PRF passou a monitorar o grupo organizado que promovia o evento. Uma operação foi montada para a interceptação do comboio logo no início em Canoas, antes que adquirisse velocidade na rodovia, visando assegurar o êxito da ação. Vários motoristas foram autuados por infrações diversas como embriaguez ao volante, desobedecer ordem do agente, manobra perigosa e alteração de característica do veículo. Os policiais rodoviários federais efetuaram também a prisão de cinco motoristas por direção perigosa.

Devido à quantidade de veículos, alguns acabaram não sendo abordados pois conseguiram escapar no momento da ação da PRF. Mesmo assim, todos foram devidamente autuados pelas infrações cometidas, como participação de evento não autorizado em via pública, cuja multa é de mais de R$ 2,9 mil em multa e sete pontos na habilitação para o condutor. A PRF adiantou que novas operações serão deflagradas em caso de repetição deste tipo de evento.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.