Sexta, 16 de Abril de 2021
54 98128.5277
15°

Muitas nuvens

Bento Gonçalves - RS

Dólar com.

R$ 5,63

Euro

R$ 6,74

Peso Arg.

R$ 0,06

Cultura Evento

De forma virtual, começa a 12ª edição do Battle in the Cypher

Com o lema Inspirar e Fortalecer, evento é o principal da cultura hip hop do Sul do Brasil e terá programação diversificada de batalhas, workshops e palestras.

28/03/2021 20h22
167
Por: Redação Fonte: Divulgação
De forma virtual, começa a 12ª edição do Battle in the Cypher

Com o lema Inspirar e Fortalecer, começa nesta segunda-feira, em formato on-line, a 12ª edição da Battle In The Cypher. Uma programação diversificada de batalhas, workshops e palestras vai movimentar este que é o principal encontro de Cultura Hip Hop do Sul do Brasil. Além das atrações virtuais, o BITC terá uma ação presencial com a criação de um painel de graffiti com 800 m² em Bento Gonçalves, no encerramento das atividades que vão até o domingo, 04 de abril. A programação será exibida no canal do Youtube da BITC.

Um dos propósitos desta edição é qualificar a cena com a realização de diversas palestras formativas. A produtora cultural Luka Ibarra falará sobre profissionalização e produção cultural. O b-boy Geovani de Gregori, o Gê do Break, vai sobre a experiência da criação da Fluência Casa Hip Hop. A fotógrafa Bruna Ferreira contará sobre sua experiência com fotografia autoral e a produção do livro “Coolture Trip”. Já o jornalista Carlinhos Santos fará a palestra Na Batida da Mídia com informações sobre processos de comunicação de projetos culturais. E ainda t em a participação de Fernanda Turchetto, da Ancora Produções, que vai contar sobre o processo de produção do documentário “Nem Eu Sei Tudo”.

Os workshops também prometem! O popper Rodrigo de Almeida, o Digão, conhecido de outras edições da Battle, vai dar aulas de popping para a galera. Getúlio Viana, o Jet, dá aula de afrohouse, e Driko Oliveira ministra seu workshop de Contempurbano. A dançarina Francine Lemos chega com um workshop de freestyle e a b-girl Ramony vai falar sobre Top Rock.

Entre os shows, destaque para a apresentação de Cristal MC, a nome consagrado da cena slam gaúcha e nacional que, autora do hit “Ashley Banks” e parceira de Djonga na faixa “Deus Dará”.  Também estão na lista de atrações, direto da Capital e região metropolitana, Didiow e Cachola, nome forte da cena gaúcha cujo rap flerta com pegadas de reggae. De Belo Horizonte, outra atração confirmada é o soul-funk-groove da Black Machine. E, de Bento, tem ST Begod e Raikiri.

Outro momento que promete, este presencial, é a grafitagem coletiva com a criação de um mural de 800 m², o maior da Serra Gaúcha, com diferentes estilos de graffiti. A ação vai reunir um time bacana de artistas no domingo, dia 04.

Duas exposições virtuais também serão realizadas: a Coolture Trip, com registros das cenas da Cultura Urbana de Bento e região feitos pela fotógrafa Bruna Ferreira, e a Expo Falantes - O Som e o Silêncio, que mostra os boomboxes do Battle, em Colab com o grafiteiro Felipe Reis.

E, como já é de fé em toda a BITC, os rola sempre um som bacana. Nesta edição, os DJs Zion, Mosquito e Bugs estão selecionando as músicas para as batalhas de dança que serão on-line. Além disso, tem mais as batalhas de DJ e de Mc's.

Concebida pelo coletivo Nest Panos, a Battle In The Cypher nesta edição reafirma seu propósito de seguir respeitando as regras do momento de pandemia, conclamando o público aos novos formatos de convívio artístico e social, reafirmando seu propósito de contribuir para o crescimento e fortalecimento da Cultura Urbana e a importância do Hip Hop para a cena das artes contemporâneas.

Estes projeto foi selecionado no Edital de Concurso Produções Culturais - SEDAC nº 09/2020, da Lei nº 14.017/2020, a Lei Aldir Blanc.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.