Sábado, 25 de Junho de 2022
16°

Pancada de chuva

Bento Gonçalves - RS

Empresas e Entidades Meio Ambiente

Projeto "Reciclar é fazer mágica" supera a marca de 1 milhão de embalagens PET reutilizadas

Iniciativa criada em 2019 pela empresa Plásticos Bellaforma, de Garibaldi, tem como objetivo ajudar as comunidades da região e preservar o meio ambiente

01/06/2022 às 13h27 Atualizada em 01/06/2022 às 17h42
Por: Renata Oliveira Fonte: Apeme
Compartilhe:
Crédito: APEME Garibaldi
Crédito: APEME Garibaldi

Com o objetivo de ajudar as comunidades da região e preservar o meio ambiente, a empresa Plásticos Bellaforma, de Garibaldi, criou o projeto socioambiental "Reciclar é fazer mágica" em parceria com o Sicredi, ambos associados da Apeme (Associação de Pequenas e Médias Empresas). Além de contribuir para a preservação da natureza, a iniciativa ajuda escolas e entidades, já que a empresa compra plásticos tipo PET (Politereftalato de Etileno) recolhidos por elas. Desde o início do projeto, em 2019, foram recicladas 1.133.000 garrafas, gerando um valor de R$ 62.652,00 que foi repassado para as escolas e entidades participantes.

Basicamente, o projeto funciona através de uma rede de cooperação: pessoas ligadas às escolas ou entidades juntam garrafas, retiram rótulo, tampa e lacre, e depositam em sacos fornecidos pela Bellaforma, os chamados bags. Esse material é recolhido pela empresa, prensado por uma cooperativa de recicladores da cidade e depois transformado em bobina plástica, que por sua vez é utilizado como parte da matéria-prima das mais diversas embalagens produzidas pela empresa.

"É um ciclo infinito em que todos ganham: a escola, que recebe o mesmo valor que pagaríamos pela compra do plástico no mercado, as cooperativas de recicladores, que ganham para fazer a prensagem, e o meio ambiente, que é preservado", explica o coordenador do projeto, Jeferson Alberton. "Nesse processo a Bellaforma entra como uma incentivadora, já que, apesar do reforço da marca, não temos lucro com o projeto, mas a consciência de que estamos fazendo a nossa parte", comenta um dos sócios-proprietários da empresa, Carlos Dendena. Uma das preocupações era justamente a imagem da empresa: "Quem não conhecia nossa matéria-prima poderia pensar que somos uma fábrica de fazer lixo e, na verdade, retiramos a garrafa PET da natureza para conseguir fazer as embalagens. A empresa precisa se manter e dar lucro, mas também precisa pensar na comunidade, no meio ambiente e em tudo que está inserida", entende o sócio-proprietário Samuel Moschetta.

Hoje são 24 escolas e entidades participantes nas cidades de Bento Gonçalves, Carlos Barbosa, Caxias do Sul e Garibaldi, mas interessados podem aderir ao projeto a qualquer momento entrando em contato com a Bellaforma através do telefone (54) 3462 4545.

Premiação

Em novembro do ano passado, o projeto Reciclar é fazer mágica conquistou seu primeiro pódio em premiações. Concorrendo com 16 projetos de empresas de toda a região Sul do Brasil, a Bellaforma conquistou o terceiro lugar na categoria Compromisso Social. "Os resultados e reconhecimentos reforçam nossa visão de que o plástico não é um vilão e que pode gerar benefícios para todos, desde que usado e descartado da forma correta", analisa Dendena.

Saiba mais:

• Pode participar qualquer instituição com cunho educacional ou assistencial, desde devidamente formalizadas com CNPJ.

• Os materiais aceitos no projeto são as garrafas de água e refrigerante, pois são feitas de material PET de fácil reciclagem – o símbolo do PET deverá estar marcado no plástico com o triângulo de número 1. Na parte inferior, geralmente estará escrito PET ou PETE. A exceção são garrafas cujo rótulo não seja removível (como de energéticos) e de azeites, em função da dificuldade de higienização.

• A separação do PET do restante dos materiais é de responsabilidade de cada escola/entidade. Os bags são separados em três tipos: plástico transparente (mais nobre), plástico verde e de outras cores de plástico (menos nobres). Rótulos, tampas e lacres serão aceitos em breve.

• As embalagens devem ser livres de resíduos, a fim de evitar a proliferação de insetos, bem como o mau cheiro nas escolas. 

• Depois de prensadas, as embalagens são transformadas no chamado plástico filme (em bobinas) de diferentes espessuras, que por sua vez são utilizados pela Bellaforma como parte da matéria-prima para produção embalagens para os segmentos moveleiro, metalmecânico, de agronegócios e de utilidades.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Garibaldi - RS
Garibaldi - RS
Sobre o município A cidade de Garibaldi conta com mais de 35 mil habitantes atualmente. O município é conhecido como a capital nacional do champanha (espumante). Com 120 anos de história, Garibaldi guarda, em sua arquitetura antiga, nas igrejas que representam o centro dos povoados, nos capitéis de beira de estradas do interior, pedaços de história de sua origem e de seu povoamento. Privilegiada em belezas naturais, localiza-se na região denominada Encosta Superior do Nordeste, no Rio Grande do Sul.
Bento Gonçalves - RS Atualizado às 21h57 - Fonte: ClimaTempo
16°
Pancada de chuva

Mín. 14° Máx. 19°

Dom 18°C 7°C
Seg 19°C 9°C
Ter 22°C 10°C
Qua 18°C 7°C
Qui °C °C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete