Segunda, 15 de Agosto de 2022
15°

Pancada de chuva

Bento Gonçalves - RS

Cultura Rio Grande do Sul

Projeto aprovado pelo Iphae foi decisivo para entrega da Capela do Taim à comunidade rio-grandina

Após 11 meses de obras de restauração, a partir de projeto aprovado pelo Iphae, a Capela do Taim, localizada na Vila da Capilha, em Rio Grande, foi entregue à comunidade para visitação pública.

18/02/2022 às 12h10
Por: Marcelo Dargelio Fonte: Secom Rio Grande do Sul
Compartilhe:
Bem tombado pelo município de Rio Grande, a Capela do Taim é o nome popular da Capela de Nossa Senhora da Conceição - Foto: Divulgação
Bem tombado pelo município de Rio Grande, a Capela do Taim é o nome popular da Capela de Nossa Senhora da Conceição - Foto: Divulgação

Após 11 meses de obras de restauração, a partir de projeto aprovado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (Iphae), instituição da Secretaria da Cultura (Sedac), a Capela do Taim, localizada na Vila da Capilha, em Rio Grande, foi entregue à comunidade para visitação pública. Coube ao Iphae ainda o acompanhamento e fiscalização das obras, a partir da parceria firmada entre o Ministério Público Federal (MPF), a Mitra Diocesana de Rio Grande e a prefeitura do município.

A destinação de recursos do MPF para a Mitra Diocesana, superior a R$ 2 milhões, permitiu o restauro. O valor é proveniente de acordos firmados em ações civis públicas movidas pelo MPF. O projeto de restauro foi executado pela empresa Patrimonium Arquitetura, por meio do arquiteto Willian Pavão, e a execução das obras ficou a cargo da empresa Arquium Construções e Restauro Ltda., sob a responsabilidade do arquiteto Edegar Bittencourt da Luz e do engenheiro Paulo Bittencourt da Luz.

Para o diretor do Iphae, Renato Savoldi, ter participado do projeto de restauro da Capela do Taim foi extremamente gratificante, porque, num período bem elaborado de execução das obras, devolveu-se este importante bem cultural do sul do Estado para sua comunidade. “Além disso, o esforço em qualificar todo aquele espaço por parte da prefeitura de Rio Grande, com o apoio da Mitra e da Associação dos Funcionários da Universidade Federal do Rio Grande (Afurg), contribuirá para o desenvolvimento socioeconômico, turístico e cultural da região”, afirma.

A secretária da Cultura, Beatriz Araujo, salienta que, desde o início de sua gestão, uma das prioridades é construir e concretizar políticas públicas de investimento no patrimônio cultural. “Neste sentido, uma das ações mais efetivas para a preservação do patrimônio tem sido a construção de parcerias, viabilizando restaurações como a deste importante bem cultural em Rio Grande. A Sedac prosseguirá investindo recursos técnicos e financeiros em ações de proteção do patrimônio cultural gaúcho”, garantiu.

Ajuda papal

No próximo dia 5 de maio, o bispo da Diocese de Rio Grande, dom Ricardo Hoepers, apresentará ao papa Francisco, no Vaticano, um projeto para tornar o local o primeiro Santuário Ecológico do Rio Grande do Sul. “Um santuário não se mede pelo seu tamanho ou suntuosidade, mas pela capacidade de nos tornar mais próximos de Deus. A Capilha é a experiência do sagrado no que há de mais sóbrio, simples e belo: quando a Casa de Deus se confunde com a própria criação. É o milagre da harmonia entre o humano e o divino”, afirma o religioso.

O Santuário Ecológico da Capilha terá duas áreas de atuação. Primeiro, será operacionalizado como ponto de referência para a comunidade local e para os moradores tradicionais, como espaço de vivência da fé e das tradições religiosas que são próprias da Capela Nossa Senhora da Conceição, inserindo uma proposta de qualificação e aprimoramento da vida local, bem como, com um trabalho em conjunto entre instituições e poder público para uma adequada valorização do ambiente natural com um progresso turístico sustentável. Segundo, ele será operacionalizado com o vínculo ao Centro Integrado de Formação Ecológica – Casa de Formação (Cife), que terá um espaço, no centro do Rio Grande, visando a educação e a formação da população em geral, para uma ecologia integral.

Capela do Taim

Bem tombado pelo município de Rio Grande, a Capela do Taim é o nome popular da Capela de Nossa Senhora da Conceição. Localizada em um trecho elevado, às margens da Lagoa Mirim, sua importância está não apenas na composição paisagística da localidade, mas, também, em seu papel para a história da região. Sua construção, em 1785, deu origem ao povoamento do entorno, a Vila dos Pescadores.

A capela está totalmente restaurada, com a imagem de Nossa Senhora da Conceição recolocada no altar. Em aproximadamente 40 dias, será finalizado o mobiliário da igreja para a celebração de missas e rituais litúrgicos.

Texto: Ascom Sedac
Edição: Secom

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Bento Gonçalves - RS Atualizado às 22h59 - Fonte: ClimaTempo
15°
Pancada de chuva

Mín. 13° Máx. 25°

Ter 19°C 12°C
Qua 22°C 11°C
Qui 17°C 1°C
Sex 11°C -1°C
Sáb 18°C 1°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete