Sexta, 24 de Setembro de 2021
54 98128.5277
Bairros Administração

Aluguéis pagos pela prefeitura de Bento Gonçalves somam R$ 2,2 milhões por ano

Projeto do novo Centro Administrativo, que chegou a ser anunciado em 2015 e seria construído no bairro Planalto, ainda depende de um "estudo atualizado aprofundado de impacto"

09/07/2021 09h49 Atualizada há 3 meses
988
Por: Jorge Bronzato Jr.
Projeto do Novo Centro Administrativo, que seria erguido no lugar do antigo Campo Municipal, no bairro Planalto, está atualmente orçado em R$ 35,1 milhões (Imagem: Divulgação prefeitura de Bento Gonçalves)
Projeto do Novo Centro Administrativo, que seria erguido no lugar do antigo Campo Municipal, no bairro Planalto, está atualmente orçado em R$ 35,1 milhões (Imagem: Divulgação prefeitura de Bento Gonçalves)

Passados mais de seis anos desde o anúncio de que a prefeitura de Bento Gonçalves daria início à construção do novo Centro Administrativo, no lugar do antigo Campo Municipal, no bairro Planalto, a proposta ainda não avançou. Em 2015, houve inclusive a destinação de um recurso de R$ 199 mil para o empreendimento – quase metade dessa verba, exatos R$ 91.722,21, foi usada para a contratação de uma empresa que elaborou o projeto para a obra.

A prefeitura afirma que, no momento, estão sendo realizados "estudos avançados" no sentido de avaliar a viabilidade da instalação do novo espaço, que centralizaria ao máximo os serviços públicos oferecidos à população. Enquanto não há uma definição, o Poder Público bento-gonçalvense desembolsa, todo mês, pelo menos R$ 187.393,20 com aluguéis de salas para funcionamento dos mais diversos setores. Anualmente, nos valores atuais, o custo com as locações chega a R$ 2.248.718,40.

Do montante, R$ 95.097,60 são gastos com a estrutura do chamado Complexo Administrativo Municipal, localizado na rua 10 de Novembro, no bairro Cidade Alta. Ali, o contrato iniciou em dezembro de 2017, a R$ 25.121,84 mensais, pois não eram ocupadas todas as salas. Entre janeiro e setembro de 2018, passou a R$ 67 mil; e, a partir de outubro daquele mesmo ano, com a ocupação plena, subiu para R$ 77 mil. Com reajuste anual em julho, chegou em 2021 ao preço atual.

Os outros R$ 92.295,60 estão divididos, principalmente, no custeio de imóveis para Conselho Tutelar, Albergue Municipal, CRAS III, Laboratório da Dor, CAPS AD, CAPS II, CASMI, Almoxarifado Central, Escola Caminhos do Aprender, Transbordo dos Resíduos Sólidos, Biblioteca Pública e Secretaria de Finanças.  "Cumpre salientar que, embora construído o Centro Administrativo, alguns serviços precisam estar descentralizados, uma vez que são atividades fim e não administrativas. Exemplo disto é o Albergue Municipal, dentre outros", explica a secretária de Finanças, Elisiane Schenatto.

Segundo ela, o orçamento mais recente para a construção chegou a um investimento de R$ 35,1 milhões, em uma formatação na modalidade Built to Suit (BTS). Nesse modelo, uma empresa definida por meio de concorrência pública construiria o prédio e a prefeitura pagaria o custo da obra em parcelas mensais, ao longo de, por exemplo, dez ou vinte anos. Nesse meio tempo, a empreiteira também pode explorar comercialmente algumas áreas do complexo. Após o período definido em contrato, a estrutura passaria para o município. "Existem vários fatores a ser levados em consideração para afirmar a vantajosidade de tal construção. Sem um estudo atualizado aprofundado de impacto não podemos afirmar ou não tal vantajosidade, mas estamos em estudos avançados neste sentido. Será realizada análise financeira atualizada e demais impactos.", completa Elisiane.

De acordo com o primeiro projeto, o novo Centro Administrativo teria cinco pavimentos, em uma área de 17.333,25 metros quadrados, abrigando 11 secretarias, Ipurb, Ctec, Procuradoria, Ouvidoria, Gabinete do Prefeito, do Vice-Prefeito e da Primeira Dama. No local também haveria, entre outros ambientes, uma área multiuso para serviços, restaurante, cafés e auditório. 

O NB Notícias quer saber a sua opinião: você é a favor da construção de um novo Centro Administrativo, reunindo os principais serviços públicos em um mesmo local? Ou você acredita que um projeto como este não seja necessário e que a prefeitura pode manter a atual estrutura alugada? Deixe seu comentário sobre o assunto aqui no site e em nossa página no Facebook.

2 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Bento Gonçalves - RS
Atualizado às 23h36 - Fonte: Climatempo
15°
Poucas nuvens

Mín. 11° Máx. 20°

15° Sensação
7.9 km/h Vento
89.5% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (25/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 24°

Sol com algumas nuvens
Domingo (26/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 27°

Sol com algumas nuvens