Quinta, 15 de Abril de 2021
54 98128.5277
16°

Muitas nuvens

Bento Gonçalves - RS

Dólar com.

R$ 0,

Euro

R$ 0,

Peso Arg.

R$ 0,

Esporte Gauchão 2021

Pelotas 0 x 2 Esportivo: vitória injeta ânimo e embola briga contra o descenso

Com o resultado positivo fora de casa, o alviazul está a apenas um ponto atrás do Brasil de Pelotas e do São José e mantém viva a esperança de não cair para a Divisão de Acesso.

02/04/2021 20h47 Atualizada há 2 semanas
221
Por: Kevin Sganzerla Fonte: NB Notícias
Foto: Kévin Sganzerla
Foto: Kévin Sganzerla

A segunda vitória do Esportivo na temporada 2021 surgiu em um momento crucial do Campeonato Gaúcho. O resultado positivo conquistado contra o Pelotas por 2 a 0, nesta quinta-feira, 1º de abril, no Estádio Boca do Lobo, injetou ânimo na equipe alviazul e deixou em aberto a luta contra o rebaixamento. 

O Esportivo fez a suam melhor atuação na competição estadual até então. Sólido na defesa, com Rafael Dumas, que fez sua estreia com as cores do alviazul, passando confiança à equipe, e com efetividade no setor ofensivo, o Esportivo, do técnico Gustavo Papa demonstrou significativa evolução, sobretudo na gana e no ímpeto em busca da vitória, que foi elogiado pelo treinador. 

O jogo:

As modificações propostas por Gustavo Papa no time titular surtiram efeito. O zagueiro Rafael Dumas e os atacantes Vini Martins e Warlei tiveram espaço na equipe que saiu jogando e fizeram boas atuações, assim como Mateus Santana, que logo teve que entrar no lugar de Norton no primeiro tempo, que saiu machucado.  

O Pelotas pressionou o time visitante nos minutos iniciais e chegou a colocar uma bola na trave. Apesar disso, o Esportivo se manteve firme defensivamente, conseguindo impedir progressões do ataque adversário. Aos 31 minutos, em bela jogada trabalhada, Michael passou para Mateus Santana que, na linha de fundo, rolou para Juninho Tardelli, que recebeu e bateu com precisão, 1 a 0. 

Com dia inspirado de Tardelli, o camisa “10” do Esportivo sofreu uma falta frontal aos 36 minutos e chamou a responsabilidade para bater. No ângulo, sem chances de defesa para o goleiro adversário, Tardelli fez o segundo do Esportivo e o seu segundo gol na partida. 

Foto: Kévin Sganzerla / CEBG

Na etapa derradeira, o Esportivo direcionou os seus esforços no setor defensivo, a fim de não sofrer um gol que colocaria o Pelotas de volta à partida. O alviazul teve a oportunidade de fazer o terceiro com William Amorim, que cortou para a direita e finalizou rente a trave. 

Atrás no placar, o Pelotas pressionou e teve a sua melhor oportunidade aos 21 minutos. O lateral Marcelo cruzou na área do Esportivo, Silvio cabeceou e Lucas Hulk salvou em cima da linha. Dez minutos depois, Michael soltou uma bomba após cobrança de falta, mas a bola saiu à esquerda de Gabriel Leite. Sem poder de reação, o Pelotas não conseguiu quebrar o sistema defensivo alviazul, terminando o jogo com vitória do Esportivo por 2 a 0. 

Combustível para a reta final

A comemoração dos jogadores e o choro de desabafo de alguns atletas ao final da partida evidenciaram a importância do resultado positivo, não só por deixar o Esportivo com plenas chances de sair da zona do rebaixamento, como também por promover confiança e autoestima no grupo, como salienta o goleiro Anderson: 

“É uma vitória que foi na superação e que buscávamos a muito tempo. Nunca paramos de lutar, e o que demonstramos hoje aqui é o que temos que levar para os próximos jogos. Estamos vivos e em nenhum momento nós desacreditamos. A nossa trajetória no campeonato ainda não acabou”, pondera o goleiro alviazul. 

Foto: Kévin Sganzerla / CEBG

Resultados embolam a tabela de classificação

Com a vitória do Esportivo sobre o Pelotas e o resultado positivo conquistado pelo Novo Hamburgo diante do Caxias, a parte de baixo da tabela segue significativamente equilibrada. Com nove pontos, o Anilado subiu para a 8ª colocação, deixando para trás o Brasil de Pelotas e o São José, ambos com 8 pontos. Logo atrás vem o Esportivo, com 7 pontos conquistados na competição e, na lanterna, o Pelotas, com 6 pontos. 

Na próxima rodada, Brasil de Pelotas e Pelotas se enfrentam no Estádio Bento Freitas, e o Novo Hamburgo joga fora de casa diante do Aimoré, que está com 10 pontos na tabela. O São José encara o São Luiz em casa, enquanto que o Esportivo recebe o Ypiranga, que está em terceiro colocado, no Estádio Montanha dos Vinhedos, na sexta-feira (09), cujo confronto vai fechar a 9ª rodada do Gauchão 2021.

Ficha técnica:

Pelotas: Gabriel Leite, Marcelo, Silvio, Maurício e Gabiga (Thiago Rosa); Moisés (Wesley), Juliano e José Aldo; Bustamante, Marcos Paulo (Caio Mancha) e Marcão) – Técnico: Rafael Jaques

Esportivo: Anderson, Igor, Júnior Alves, Rafael Dumas (Juan Sosa) e Michael; Mateus Norton (Mateus Santana), Lucas Hulk e Juninho Tardelli); William Amorim (Daniel Cruz), Vini Martins (Emerson) e Warlei – Técnico: Gustavo Papa

Gols: Juninho Tardelli 32’ 1T e 36’ 1T (ESP)

8ª rodada: 

Ypiranga 1 x 0 Brasil de Pelotas

São Luiz 2 x 2 Grêmio

Internacional 0 x 0 São José

Pelotas 0 x 2 Esportivo

Novo Hamburgo 3 x 0 Caxias

Juventude 1 x 0 Aimoré

Classificação: 

1º Internacional: 17

2º Grêmio*: 14

3º Ypiranga: 14

4º Caxias: 13

5º Juventude: 12

6º São Luiz: 12

7º Aimoré: 10

8º Novo Hamburgo: 9

9º Brasil de Pelotas: 8

10º São José: 8

11º Esportivo: 7

12º Pelotas: 6

*Caxias e Grêmio têm um jogo a menos

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.