Quinta, 15 de Abril de 2021
54 98128.5277
16°

Muitas nuvens

Bento Gonçalves - RS

Dólar com.

R$ 5,63

Euro

R$ 6,74

Peso Arg.

R$ 0,06

Empresas e Entidades Vaga aberta

Empresa paga salário de até R$ 9 mil, mas não encontra profissionais

São 60 vagas abertas esperando por alguém capacitado, mas a empresa não encontra. Veja se você se enquadra no perfil

22/03/2021 11h42
22.925
Por: Redação Fonte: Portal GZH
Empresa paga salário de até R$ 9 mil, mas não encontra profissionais

Um dos mercados mais promissores atualmente no país é o setor da Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e também o mais carente de mão de obra qualificada. De acordo com a consultoria IDC, existe atualmente no Brasil uma carência de cerca de 39,9 mil profissionais de tecnologia. Um exemplo disso é a empresa GovBR, especializada em desenvolver softwares para gestão pública, que há meses procura profissionais e não encontra. Com salários de até R$ 9 mil para seus colaboradores, a empresa dispõe de 60 vagas na área de tecnologia.

De acordo com o diretor de Mercado da GovBR, Rafael Sebben, a falta de mão de obra qualificada se intensificou na pandemia. Ele observa que empresas estrangeiras começaram a contratar profissionais de qualquer lugar do mundo para trabalhar remotamente. " Isso gerou o aumento da procura por profissionais locais, inclusive por empresas do Exterior, já que, trabalhando de casa, não há mais a barreira física. Esse movimento gera, inclusive, uma mudança comportamental e econômica, pois agora profissionais com grandes salários deixaram de viver em metrópoles, onde o custo de vida é mais alto, e levaram suas rendas para cidades menores", destacou o executivo. 

As vagas abertas agora são para atividades como governança de dados, design organizacional, inteligência artificial, experiência de usuário, segurança cibernética, internet das coisas e big data. Durante a pandemia, os funcionários da empresa estão trabalhando em casa, na modalidade de home office. Depois, a ideia da GOVBR é adotar um modelo híbrido.

Com os profissionais disputados, a empresa passou a aceitar diplomas de Ensino Técnico, além do Ensino Superior. Em Santa Catarina, onde fica a matriz, são oferecidos cursos de formação de programadores em parceria com entidades empresariais, dos municípios e do Estado. "Em um país com mais de 13 milhões de desempregados, o setor de TI deve fechar todos os anos, até 2024, com milhares de vagas em aberto, pois não há mão de obra qualificada. A todo momento, novas tecnologias nascem. Portanto, é fundamental incentivar a capacitação e educação das pessoas que estão entrando no mercado de trabalho agora e, principalmente, das futuras gerações", resumiu o diretor.

Interessados em se inscreverem nas vagas abertas atualmente podem fazer o cadastro diretamente pela parte das vagas no site da empresa GOVBR.

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.