7°C 14°C
Bento Gonçalves, RS
Publicidade

Polenta de Monte Belo do Sul vira motivo de intercâmbio com cidade italiana

Pacto cultural e gastronômico com o município de Vigasio marca início da parceria ítalo-brasileira entre a 'Fiera della Polenta', do Vêneto, e o Polentaço.

21/04/2024 às 12h10
Por: Marcelo Dargelio
Compartilhe:
Secretário de Cultura e Turismo, Álvaro Manzoni, foi o responsável por assinar a parceria com a cidade italiana
Secretário de Cultura e Turismo, Álvaro Manzoni, foi o responsável por assinar a parceria com a cidade italiana

A polenta representa muito mais do que um prato típico trazido pela imigração italiana para a Serra gaúcha – é, também, um elo cultural e histórico que une Brasil e Itália. Passados quase 150 anos do início do movimento imigratório na região, os laços entre as tradições criadas em torno dessa iguaria ficaram ainda mais fortalecidos a partir do pacto de amizade estabelecido entre o município de Monte Belo do Sul e a comuna italiana de Vigasio. O intercâmbio cultural e gastronômico foi firmado durante a Vinitaly, uma das principais feiras de negócios do universo vitivinícola no mundo, realizada entre os dias 14 e 17 de abril em Verona, na Itália.

A parceria surgiu a partir da busca de representantes da associação Vigasio Eventi, que realiza a 'Fiera della Polenta' na cidade da região do Vêneto, por eventos que promovessem a polenta enquanto patrimônio cultural no Brasil. Foi então que o Centro de Tradições Italianas de Monte Belo do Sul (CTI), realizador do Polentaço, recebeu o convite para construir esse pacto internacional.

Na Itália, o termo de cooperação foi assinado pelo presidente do CTI, Nelso Uliana (no ato, representado pelo ex-presidente do CTI e atual Secretário de Cultura e Turismo de Monte Belo, Alvaro Manzoni), e pelo presidente da Vigasio Eventi, Umberto Panarotto – que destacou a importância desse intercâmbio para o fortalecimento dos laços ítalo-brasileiros. "É uma ponte que une não só duas associações, mas também duas culturas, duas formas de vivenciar a terra e as tradições", exaltou Panarotto.

Para Monte Belo do Sul, o momento representou um marco histórico de aproximação entre os dois países e a consolidação de um evento que carrega em sua essência a valorização dos costumes e do legado deixado pelos antepassados italianos na região. "A polenta é mais do que um alimento, é a nossa história. Quando criamos o Polentaço, partimos do princípio de divulgar nossas tradições e fazer com que a nossa gente se reconheça e seja valorizada por meio desse evento, enaltecendo um povo que se estabeleceu na América em busca de melhores condições de vida. Estamos muito felizes e orgulhosos por essa histórica parceria que começamos a construir com a comunidade de Vigasio", enalteceu Manzoni.

O ato de assinatura, ocorrido no estande da Região do Vêneto na Vinitaly, também contou com a presença do ministro regional dos Programas da União Europeia, Agricultura, Turismo e Comércio Internacional, Federico Caner, do conselheiro regional, Ernico Corsi, do Vice-Reitor da Universidade de Verona, Prof. Diego Begalli, do presidente da Associação Veronesi nel Mondo e da Italea Veneto (sob a coordenação do Ministério das Relações Exteriores da Itália), Luciano Corsi, e do prefeito de Vigasio, Eddi Tosi. Do Brasil, também prestigiaram o ato o sócio proprietário do Moinho Burati (fornecedor oficial da farinha de milho utilizada no Polentaço), Fernando Jose Dal Ponte, o ex-Secretário de Turismo de Bento Gonçalves, Davi Da Rold, e o presidente da União Brasileira de Vitivinicultura, Daniel Panizzi.

A agenda de compromissos da comitiva na Itália teve ainda, na Vinitaly, um encontro com o Governador do Estado do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, que esteve na feira para potencializar esse fortalecimento das mais diversas relações entre RS e Itália, e com o presidente da Região do Vêneto, Luca Zaia. Houve, também, uma visita oficial à cidade de Schiavon, na província de Vicenza, para o fortalecimento do gemellaggio (pacto de irmandade) existente com Monte Belo do Sul.

Presidente do Vêneto, Luca Zaia, recebe materiais de Monte Belo do Sul - Fotos: Mariana Bonfanti/Divulgação

 

Ação de intercâmbio inicia já no mês de maio

O primeiro ato oficial dessa parceria internacional será na 12ª edição do Polentaço. O evento será realizado entre os dias 17 e 19 de maio, em Monte Belo do Sul, e contará com a presença de uma comitiva italiana de Vigasio para conferir de perto a realização da iniciativa e promover trocas culturais e gastronômicas com os organizadores do evento em solo gaúcho. Nesta edição, haverá dois tombos gigantes de polenta com 800 kg cada, exposição de esculturas feitas a base do alimento e diversas opções enogastronômicas distribuídas pela Praça Padre José Ferlin, onde ocorre o evento, além de uma programação artístico-cultural gratuita.

O 12º Polentaço é realizado junto à 10ª Festa do Agricultor e tem financiamento do Pró-Cultura RS, por meio da Secretaria da Cultura do Estado do Rio Grande do Sul, e patrocínio de Dalmóbile, Transportes Dumar, Adega Cavalleri, Adega da Serra e Multimóveis. O apoio é de Sicredi, Moinho Burati e Secretaria Municipal de Cultura e Turismo. A realização é do Centro de Tradições Italianas de Monte Belo do Sul. Mais informações pelos perfis @visitemontebelo e @polentaco2024 no Instagram.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Monte Belo do Sul - RS
Sobre o município
Emancipado de Bento Gonçalves em 20 de março de 1992, Monte Belo do Sul encontra-se a 618 metros acima do nível do mar com uma área de 70 km². Tem por limites os municípios de Bento Gonçalves, Cotiporã e Santa Tereza. A comunidade de Monte Belo foi colonizada por imigrantes italianos a partir de 1877 provenientes de Udine, Mantova, Cremona, Veneza, Vicenza, Treviso, Bérgamo, Modena e Belluno... A localidade foi colonizada 100% por imigrantes italianos, num total de 416 famílias.
Ver notícias
Bento Gonçalves, RS
10°
Tempo nublado

Mín. Máx. 14°

10° Sensação
1.79km/h Vento
94% Umidade
100% (12.93mm) Chance de chuva
07h08 Nascer do sol
05h38 Pôr do sol
Sáb
Dom 13°
Seg 11°
Ter
Qua 14°
Atualizado às 18h01
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,17 +0,45%
Euro
R$ 5,61 +0,81%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,07%
Bitcoin
R$ 377,149,80 +2,35%
Ibovespa
124,305,57 pts -0.34%
Publicidade