17°C 25°C
Bento Gonçalves, RS
Publicidade

Técnico do BGF/AAPF é agredido e time sai de quadra na semifinal da Série Ouro

Após um gol anulado dos donos da casa, presidente da SER Santiago partiu para cima do Vaner Flores, que foi agredido pelo dirigente e por torcedores. Além disso, dinheiro da alimentação da equipe foi furtado.

26/11/2023 às 19h14 Atualizada em 26/11/2023 às 20h40
Por: Kevin Sganzerla Fonte: NB Notícias
Compartilhe:
Técnico do BGF/AAPF é agredido e time sai de quadra na semifinal da Série Ouro

O jogo de volta da semifinal da Série Ouro de Futsal 2023 entre BGF/AAPF e SER Santiago foi marcado por agressões, o que ocasionou a interrupção do confronto, na noite deste sábado (26), em Santiago. O jogo estava 2 a 1 para o time de Bento Gonçalves quando o treinador do BGF/AAPF foi agredido pelo presidente do clube adversário e por torcedores, os quais também teriam furtado o dinheiro da alimentação dos atletas e da comissão técnica. O jogo foi paralisado aos 10 minutos do segundo tempo, quando o time da Serra Gaúcha se retirou da quadra por conta dos fatos ocorridos. O caso será analisado pelo Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RS). 

O BGF/AAPF vencia a partida pelo placar de 2 a 1, resultado que classificava o clube à final da Série Ouro, quando, aos 10 minutos da etapa derradeira, a SER Santiago teve um gol invalidado pela arbitragem. O presidente da SER Santiago invadiu a quadra e desferiu golpes contra o técnico Vaner Flores. Na sequência, torcedores também adentraram à quadra e foram para cima do treinador do BGF/AAPF. 

Conforme nota do BGF/AAPF, após os atletas e a comissão técnica do clube se retirarem de quadra por conta da situação, diversos torcedores teriam tentado adentrar ao vestiário chutando a porta do local. Do lado de fora do ginásio, membros da torcida da SER Santiago quebraram vidros do vestiário para continuar as agressões. A direção ainda afirma que os documentos do técnico Vaner Flores e uma quantia em dinheiro para a janta da equipe foram furtados. 

A situação gerou revolta por parte dos jogadores do BGF/AAPF. "Hoje vivenciamos um filme de terror sem ter a certeza que voltaríamos para casa. Equipe de segurança mal intencionada com o propósito da confusão, pessoal da nossa equipe machucados e me vem o questionamento se tudo isso vale a pena? Vale a pena a gente largar nossa família e não ter a certeza que vai voltar?", comentou Bruno Nunes, ala do time de Bento Gonçalves, em suas redes sociais. 

O grupo de atletas do BGF/AAPF tiveram que sair da cidade escoltados por conta do risco de novas agressoões. "Não sei nem descrever o meu sentimento. Um misto de tristeza e revolta, quem esteve lá sabe exatamente o que aconteceu e os momentos de dificuldade que passamos. Em 14 anos como profissional, eu nunca tinha vivenciado tamanha barbárie", afirmou o capitão da equipe, Bruno Reis. 

Após a confusão, a Federação Gaúcha de Futebol de Salão (FGFS) afirmou ter disponibilizado segurança para que a partida pudesse transcorrer normalmente. No entanto, o BGF/AAPF se recusou a entrar em quadra após os episódios de agressão. Desta forma, a partida seguirá no âmbito da justiça desportiva. Conforme a posição da FGFS, o TJD deverá analisar o caso ainda nesta semana. 

Confira a nota de repúdio do BGF/AAPF:

O BGF/AAPF vem por meio desta nota, repudiar veementemente os acontecimentos na noite de ontem no Ginásio Municipal de Santiago, onde após um gol anulado da equipe adversária, nosso treinador, Vaner Flores sofre agressão física pelo Presidente do Clube do SER SANTIAGO, de forma covarde, resultando isso, em invasão de diversos torcedores na quadra onde nosso treinador sofreu mais agressões de pessoas ali presentes, sendo que os próprios seguranças contratados por SER SANTIAGO estavam impedindo que os atletas do BGF/AAPF fossem retirar o treinador Vaner Flores do meio das agressões, inclusive utilizando de armas de choque nos atletas.

Diante de tal situação, os jogadores e comissão técnica do BGF/AAPF foram para o vestiário, onde lá, diversos torcedores tentaram adentrar, com objetivo de arrombar a porta com chutes e do lado de fora do ginásio, torcedores do SER SANTIAGO, quebraram vidros do vestiário para continuar as agressões.

Concomitante a isso, ocorreu  furto, onde os documentos do treinador Vaner Flores e o valor em dinheiro para a janta da equipe foram roubados.

Para a delegação do BGF/AAPF sair da cidade, foi necessária a escolta da Brigada Militar.

Manifestamos nosso total repúdio aos fatos ocorridos com nossa delegação na cidade de Santiago, esperando que a Federação Gaúcha de Futebol de Salão tome todas as medidas jurídicas cabíveis, esperando que os responsáveis sejam devidamente responsabilizados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Bento Gonçalves, RS
25°
Tempo nublado

Mín. 17° Máx. 25°

25° Sensação
0.49km/h Vento
99% Umidade
100% (21.65mm) Chance de chuva
06h15 Nascer do sol
07h03 Pôr do sol
Ter 22° 18°
Qua 27° 17°
Qui 25° 18°
Sex 29° 16°
Sáb 29° 15°
Atualizado às 16h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 4,98 -0,30%
Euro
R$ 5,40 -0,03%
Peso Argentino
R$ 0,01 -1,26%
Bitcoin
R$ 287,942,63 +6,89%
Ibovespa
129,754,71 pts 0.26%
Publicidade