Domingo, 25 de Julho de 2021
54 98128.5277
Segurança Homicídio

Quatro homens são mortos dentro de pizzaria em Porto Alegre

Indivíduos atacaram um policial militar e acabaram alvejados no interior do estabelecimento.

13/06/2021 14h24
2.553
Por: Redação Fonte: Divulgação
Quatro homens são mortos dentro de pizzaria em Porto Alegre

Quatro homens foram mortos a tiros na madrugada deste domingo, 13, após uma briga com um policial militar em Porto Alegre. Eles morreram dentro de uma pizzaria e, após as mortes, o autor dos disparos se apresentou na Delegacia de Pronto-Atendimento (DPPA) com a arma, prestou depoimento e afirmou que agiu em legítima defesa.

De acordo com a Polícia Civil, as mortes ocorreram por volta das 5h15. A cena foi flagrada por uma câmera de vigilância da pizzaria, localizada na Avenida Manoel Elias, a uma quadra do cruzamento com a Avenida Protásio Alves, no bairro Mario Quintana.  

Segundo o levantamento preliminar do Departamento de Homicídios, as imagens corroboram a versão do PM. No depoimento, o policial contou que ele passou por uma festa em uma residência próxima ao local do crime procurando sua ex-namorada, quando quatro homens e duas mulheres saem da casa onde estava acontecendo o evento e passam a atacá-lo. O grupo, segundo seu relato, corre atrás dele e ele se refugia na pizzaria. As imagens mostram o PM tentando se esconder dentro do estabelecimento. Também segundo o policial, ele avisou os demais que estava armado.

Para a diretora do Departamento de Homicídios da Polícia Civil, delegada Vanessa Pitrez, não há dúvidas que o policial agiu em legítima defesa e corria risco de perder a vida se não tivesse atirado nos indivíduos. "Temos as imagens que mostram que ele tentou evitar, se escondeu usou uma porta para se proteger. Tiraram essa proteção e foram para cima dele, seis pessoas. Até aí, nos parece que foi legítima defesa. O policial se apresentou na delegacia espontaneamente e, a princípio, não vai ser preso. Vamos averiguar todas as circunstâncias e aprofundar as investigações para ver se ele não tinha outra alternativa. Nos parece que ele tentou evitar o confronto. Pelo vídeo, corria até o risco de as pessoas tirarem a arma dele e ele ser morto", afirmou a delegada.

A Polícia Civil vai esclarecer a versão do policial, o motivo pelo qual o grupo o atacou e se o PM tinha alguma relação com as vítimas. As duas mulheres não se feriram pois recuaram quando o policial começou a disparar. O caso foi registrado como quádruplo homicídio e a principal linha de investigação, até o momento, é a de legítima defesa. A investigação ficará com a 5ª Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da Capital.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Bento Gonçalves - RS
Atualizado às 22h31 - Fonte: Climatempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 12° Máx. 26°

19° Sensação
17.8 km/h Vento
42.5% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (26/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 12° Máx. 25°

Sol com muitas nuvens
Terça (27/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 17°

Chuvoso
Anúncio