Segunda, 19 de Abril de 2021
54 98128.5277
16°

Poucas nuvens

Bento Gonçalves - RS

Dólar com.

R$ 5,55

Euro

R$ 6,68

Peso Arg.

R$ 0,06

Saúde Alívio

Samu mantém terceira ambulância para atendimento em Bento

Temor era de que, a partir desta quinta-feira, 1º de abril, somente duas equipes ficassem disponíveis para a cidade, após o fim de um projeto estadual que garantiu a ampliação do serviço

01/04/2021 15h09 Atualizada há 3 semanas
436
Por: Jorge Bronzato Jr.
Samu mantém terceira ambulância para atendimento em Bento

Bento Gonçalves estava prestes a perder uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) já a partir desta quinta-feira, 1º de abril, mas, felizmente, isso não deve acontecer por enquanto.

Com o fim do projeto "Verão Total", por meio do qual a prefeitura mantinha – desde dezembro e custeado pelo Governo do Estado – um terceiro time do Samu na cidade, havia o temor de que uma ambulância parasse as atividades imediatamente, pois o convênio encerrou nesta quarta-feira, 31 de março.

Questionada a respeito do tema na última segunda, dia 29, a secretária de Saúde, Tatiane Misturini Fiorio, havia garantido ao NB Notícias que a administração manteria os servidores, pagando seus salários com recursos próprios até conseguir uma habilitação junto ao Ministério da Saúde. Nesta quarta, a assessoria informou que a prefeitura buscava meios de evitar uma paralisação no serviço e planejava a abertura de um processo seletivo para suprir as baixas.

Conforme apurado nesta quinta pela reportagem, como alternativa provisória até as novas contratações, o Poder Público fez um remanejamento de horas junto à empresa terceirizada que atua na saúde e conseguiu manter a equipe extra atuando de segunda a sexta-feira no período diurno.

Bento hoje conta com três ambulâncias do Samu em operação – uma unidade avançada e duas básicas. A mais completa normalmente é usada para deslocamentos de pacientes para outros municípios, o que a tira de circulação na zona urbana. Há, ainda, dois veículos de "reserva" caso algum apresente problemas.

Como já divulgado aqui no NB, caso não houvesse a manutenção da equipe extra, na prática, apenas uma unidade básica estaria à disposição da comunidade local, o que prejudicaria os atendimentos no caso de ocorrências registradas em curtos intervalos de tempo.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.